IИdicação – Edward Snowden sobre redes sociais e vigilância

O Inconveniente recomenda este vídeo de Edward Snowden sobre redes sociais e vigilância eletrónica, de 21-4-2021. A intrusão do Estado e das empresas de redes sociais e de informação na vida dos cidadãos e das organizações da sociedade civil é a maior ameaça aos direitos, liberdades e garantias.

A inviolabilidade das comunicações costumava ser protegida pela lei e pelos tribunais. Deixaram de ser. O combate ao terrorismo justifica a espionagem da vida das pessoas. A privacidade perdeu-se.

A liberdade de informação e opinião era assegurada pela lei, mesmo nos países, como Portugal, que preferiam a novecentista proteção da honra e consideração de políticos ao direito de expressão e os tribunais favoreciam as bofetadas do poder (SLAPP – Strategic Litigation Against Protesting People). Já não é. Os Estados são coniventes com a censura do politicamente correto praticada, sem limite legal ou pudor, pelas redes sociais que as pessoas usam para comunicar. Como se, dantes, a companhia dos telefones interrompesse as conversas das pessoas e as obrigasse a seguir o cânone bem pensante… E quando os Estados não concordam com a ideologia totalitária global do politicamente correto vêem-se impotentes para impor o respeito pela liberdade de expressão a empresas globais com o maior poder da história.

A liberdade continua a ser um desafio. A ideologia do politicamente correto não durará para sempre e cabe-nos lutar para reganhar a liberdade perdida. Ainda que para o poder, a liberdade seja… inconveniente.

António Balbino Caldeira
Diretor

Partilhar

Sem comentários

deixe um comentário