O Homem não é um animal como os outros!

Irmãos, a ONU quer reduzir a população da Terra porque a considera a principal causa da pobreza, para além de ser mau para o Planeta.


Por isso, temos que zelar pelo gradual extermínio da Humanidade, mas sem dar a perceber os nossos desígnios a esses animais. No passado, as formas diretas de extermínio da população deram mau resultado e devemos aprender com a experiência. Se Hitler, Estaline, Pol Pot ou outros grandes políticos voltassem a viver, decerto partilhariam desta minha opinião.


Quanto esforço inútil, irmãos, foi despendido com câmaras de gás e fornos crematórios…!!! Nos campos de concentração nazi, irmãos, a única mentira que se contava às bestas era que iam para o “duche” quando na verdade caminhavam para a morte. Hoje, irmãos, o “duche” é-nos oferecido nos media sistémicos e pelo mainstream. As bestas ouvem o que os manipuladores de opinião dizem e julgam que estão a ser devidamente informadas por eles, e que aquilo que dizem é, por si só, sabedoria da melhor.


Há cada vez mais bestas que pensam que a eutanásia é boa e misericordiosa, que o sofrimento é indigno, mais vale a pessoa tomar um comprimido e morrer enquanto pode do que andar dias e dias em sofrimento. Assim, paulatinamente vai-se reduzindo a população. Depois de nos habituarmos à eutanásia, bastará sabermos que padecemos de uma doença má para sermos os primeiros a pedi-la!


Mais tarde, irmãos, irão aparecer grupos de pressão dos adeptos do suicídio, chamados ‘suicídio-dependentes’, a exigir os mesmos direitos que os mortos, e a moda pega: ser progressista é ser a favor da morte precoce, quanto mais cedo a pessoa se consciencializar que deve matar-se mais progressista será, e então gera-se um movimento de solidariedade para com os coitadinhos dos suicídio-dependentes, arranjam-se salas de ‘chuto’ mas desta vez com ‘chutos’ a sério e sem subterfúgios!


Quanto aos fornos crematórios, a moda pegou de novo, irmãos! Felizmente! Hoje é raro o indivíduo que não quer ser cremado em vez de enterrado. É fino, é chique, é mais justo para com os que ficam. Bem se vê o frete que algumas pessoas fazem para ir pôr umas florzinhas nas campas dos seus familiares, compradas em saldo ou roubadas ao vizinho! É evidente que a cremação, por outro lado, é muito mais higiénica e já que se trata de higienizar, que se façam as coisas como deve ser. Porém, irmãos, não se confunda a cremação com os fornos crematórios do Hitler, pelo amor de Deus, são coisas muito diferentes! Só mesmo uma mente doentia é que poderá julgar que sejam a mesma coisa! Há uma grande diferença, aliás, uma diferença abismal: enquanto os fornos crematórios nazis eram obrigatórios, a cremação é livre, as bestas vão de livre vontade para a cremação. Algumas até a pedem e deixam escrito no seu testamento vital.


Digam lá se não é preferível isto a ter de levar as bestas à força para campos de concentração, matá-las e depois cremá-las? O resultado final é o mesmo, dá menos trabalho e nem sequer nos podem vir depois atirar à cara que cometemos atos bárbaros e condenáveis.


O Homem não é um animal como os outros, é muito mais animal! Salvemos o Planeta! Abaixo a população!

Henrique Sousa

Partilhar

Latest comment

  • Boa análise sobre a estupidificação dos apoiantes da eutanazi a…., nem percebem que amanhã poderão ser vítimas do que defendem, tal como milhares de angolanos, moçambicanos, guineenses ou timorenses foram vítimas das criminosas descolonizações que previamente apoiaram.
    Quanto à cremação, é bom que se entenda que foi praticada nos campos de concentração tal como é actualmente nos cemitérios…, ou algum tontinho pensa que os socialistas alemães colocavam as pessoas vivas dentro dos fornos?

deixe um comentário