MAI: a culpa é da vítima

© via Wikimedia Commons

Após críticas pelo não esclarecimento do Ministério da Administração Interna (MAI) da circunstância do acidente do carro do ministro Eduardo Cabrita ao km 77,6 da A6, sentido Estremoz-Évora, perto de Azaruja, na sexta-feira, dia 18-6-2021, o MAI divulgou o seguinte comunicado:


“2021-06-19 às 17h17

Esclarecimento sobre acidente de viação que envolveu viatura que transportava o Ministro da Administração Interna

Face a informações erróneas divulgadas sobre o acidente de viação que esta sexta-feira envolveu a viatura que transportava o Ministro da Administração Interna na autoestrada A6, de que resultou uma morte por atropelamento, o Ministério da Administração Interna esclarece que:

  • A viatura não sofreu qualquer despiste;
  • A viatura circulava na faixa de rodagem, de onde nunca saiu, quando o trabalhador a atravessa;
  • O trabalhador atravessou a faixa de rodagem, próxima do separador central, apesar de os trabalhos de limpeza em curso estarem a decorrer na berma da autoestrada;
  • Não havia qualquer sinalização que alertasse os condutores para a existência de trabalhos de limpeza em curso;
  • Estando a decorrer uma investigação ao acidente, por parte do Núcleo de Investigação Criminal de Acidentes de Viação de Évora da Guarda Nacional Republicana, quaisquer informações adicionais só poderão ser prestadas nesse âmbito.”


Como são notórias várias lacunas no comunicado MAI, o Inconveniente voltará ao assunto.

Partilhar

Latest comments

  • Fui funcionário da BRISA 31 anos, nunca, mas mesmo nunca, assisti a qualquer intervenção nas vias abertas ao trânsito sem PRÉ-SINALIZAÇÃO. Este trabalho é levado muito a sério pelos responsáveis da BRISA, por isso NÃO ACREDITO que não existisse sinalização de trabalhos na via . A BRISA tem uma sala de controle via câmaras que cobre 80% da rede nacional de auto estradas à sua responsabilidade, por isso será fácil confirmar se havia ou não sinalização na altura do atropelamento Aguardemos calmamente comunicado que a BRISA dará sobre este infeliz acontecimento Ver este link https://www.brisa.pt/pt/mobilidade/centro-de-coordenacao-operacional-cco

  • Até calha bem que o idiota tente passar a culpa para a Brisa! Assim pelo menos, não é expectável que ela compactue com ele.
    Pois eu espero mesmo que pelas câmaras de vídeo ou pelo computador de bordo se consiga avaliar a velocidade da viatura!
    A conversa de criaturas deste tipo é típica : “Oh sr. Fulano, preciso de estar em Lisboa às tantas horas, por isso trate de dar gás nesta coisa! Se fosse para andar de vagar tinha escolhido um carro eléctrico como o Matos Fernandes (1).”
    Seria bom que a investigação fosse feita pela PJ, pois se não me engano a GNR está debaixo do MAI, logo qualquer investigação que faça está logo à partida “comprometida”!
    (1) – Informação não validada mas presumida dado o discurso “ambientalista” da criatura.
    Aliás, será que algum ministro usa carro eléctrico ?
    O Costa quando era Pr da CML tinha um pequenino, mas agora deve ter engordado e já não cabe.

  • E como se esperava, a Brisa já veio apresentar uma versão contraditória da do ministro!
    Agora é só esperar para saber quem mente …
    Claro que a culpa teria de ser do mexilhão :
    1º – A culpa nunca é do Xuxa!
    2º – Mesmo que o operário fosse xuxa, sendo o xuxa menos credenciado na zona crítica, será sempre o culpado.
    3º – A menos que se venha a descobrir que o condutor CHEGAva tarde ao serviço ou perdia muito tempo a atravessar o RIO!
    Ainda assim era muito mau para a credibilidade dum MAI ter um agente inimigo infiltrado, e com o seu “destino” entre mãos!

  • Já tenho criticado a PSP pela sua actuação demasiado Sensibilizadora , fofinha, muito preocupada com o politicamente correcto , e menos Disciplinadora como convinha para os objectivos da Segurança que era suposto ser o seu apanágio.
    – Recentemente tomei conhecimento dum caso, onde se pode ver ao vivo e a cores uma intervenção de dois elementos da PSP a pedido da CP, para desbloquear uma situação de comboio parado causada por passageiro sem título de viagem, e recusa de sair ou regularizar a situação!
    – Resumindo, um parasita obstinado, que ainda por cima tinha um plano de vida !
    – Gostaria de louvar aqui a forma expedita como o elemento feminino da equipa da PSP soube lidar com a situação, evacuando alguns passageiros que poderiam perturbar a sua acção, e logo de seguida com golpe de pé, põe termo à converseta xalada do parasita vivaço, que de imediato foi arrastado pelo elemento masculino para fora do comboio, permitindo assim que ele prosseguisse a marcha!
    Claro que o incidente só foi notícia, porque o parasita pertence ao gangue mamadu, e isso mobiliza logo a imprensa activista, pelo que desafio os leitores do INCONVENIENTE a lerem os várias relatos que se fizeram deste caso, onde só o bom desempenho da agente, justificaria a notícia!

    Então vejamos :

    https://sicnoticias.pt/pais/2021-08-03-Agente-da-PSP-filmada-a-agredir-um-passageiro-dentro-do-comboio-bc88dcc6

    “…As imagens mostram o passageiro a explicar-se à polícia, enquanto uma agente reage de forma violenta.”
    Explicar-se ? Mas o que é que há para explicar ? O parasita não tem bilhete, não se quer identificar, dão-lhe duas opções e ele recusa-as, não obedece às indicações das autoridades, com esse comportamento causa atraso no comboio com sérios prejuízos para os passageiros e risco para a segurança da circulação, e o d3m3nt3 do jornalista fala em “explicar-se à polícia” ?
    E como se não bastasse vai preparando o terreno para culpar a agente que fez um óptimo trabalho ?
    Mas isto é jornalismo ou é activismo patrocinado ?

    https://tvi24.iol.pt/sociedade/agressao/agente-da-psp-filmada-a-pontapear-passageiro-sem-bilhete-no-comboio

    “…Nas imagens captadas por um dos passageiros, é possível ver o homem a conversar com um dos agentes num tom calmo, explicando que se recusa a sair da carruagem. É nesse momento que surge a agressão repentina da agente, que pontapeia o passageiro nos genitais, enquanto o ordena para sair da carruagem.”
    Mais um com a conversa “fofinha” das “explicações”!
    Se a agente lhe tivesse acertado nos genitais, duvido que ele continuasse de pé, a menos que usasse coquilha, ou tivesse tomates de aço!

    https://www.jn.pt/justica/psp-esta-a-avaliar-atuacao-em-que-passageiro-sem-bilhete-foi-pontapeado-por-policia-14003214.html

    “…Nas imagens, vê-se o homem a conversar com um de dois polícias sobre respeito mútuo, até dizer que tem “planos de vida” e não irá sair do comboio.”
    Que bom para ele ter um “plano de vida”, mas convém ter também um plano B, pois pode aparecer uma agente zelosa que não vai na converseta da treta dele, e quem se lixa são os tomates!
    “…Entre os restantes passageiros, ninguém reage.”
    E porque houveram de reagir ? Este jornalista é p4rv0 ou anda a treinar ? Por acaso ele teve em conta o transtorno que este
    1mb3c1l com um Plano de Vida causou aos restantes passageiros ? Claro que não, na volta o p4rv4lhã0 do jornalista nunca andou de comboio!

    https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/chefe-que-deu-pontape-a-passageiro-em-comboio-na-linha-da-azambuja-e-formadora-da-psp

    Na barra inferior do vídeo : “Chefe da PSP filmada a pontapear passageiro nos genitais dentro de comboio na linha de
    Sintra”
    e o próprio audio localiza o incidente na “Linha de Sintra”! Os restantes relatos apontam para a Linha da Azambuja, mais precisamente Bobadela. O CM sempre muito “fiável”!

    Mais abaixo no texto : “…O caso ocorreu no sábado, na Linha da Azambuja…” Ok fiquei esclarecido …
    “…O caso está a gerar polémica uma vez que a violência da intervenção policial não teve ainda qualquer explicação (o homem não estava a ser violento, apenas se recusava a sair do comboio)”

    Não sr. activista disfarçado de jornalista, não há polémica nenhuma, pelo menos enquanto o mamadu e a catarineta não resolverem pegar no caso! Mas o 1d10ta que nem sabe bem onde aquilo aconteceu, está a esforçar-se bastante para provocar a desejada polémica com vista a trazer para o palco os temas do “racismo”, da violência policial, e outras m3rdices de que o activista se alimenta!

    Ao menos tenham coragem e digam logo ao que vêm : proponham logo que tendo pele escura está isento de qualquer obrigação!
    Gente de pele escura só tem direitos, mas não tem deveres, assim ficava tudo preto no branco e não se falava mais no assunto!
    Mas depois não venham falar em “igualdade”!

Post a Reply to Fernando Tavares Cancel Reply