Celinho, o Brincalhão

* Imagem editada.

“É o Celinho, um brincalhão”, Marcelo Rebelo de Sousa foi assim classificado por quem observava da janela o passeio do chefe de Estado português, nesta sexta-feira, 16-7-2021, pela baixa de Luanda, acompanhado por cerca de uma centena de pessoas, entre comitiva, segurança e populares. Cruel, o JN titula que Marcelo foi aplaudido nas ruas de Luanda por “dezenas de angolanos”.

Os portugueses em Luanda ignoraram estes banhos de multidãozinha. O presidente português está na capital angolana para participar na XIII cimeira de Chefes de Estado e de Governo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

O Presidente não se preocupa de arrastar o prestígio de Portugal pelas ruas. Umas vezes corre bem, como em Bissau (18-5-2021), outras… mal, como em Luanda. Marcelo parece não compreender bem o orgulho angolano e a raiva ainda fresca da colonização. E não se esquivou do seu humor desassombrado.

Todavia, o esforço histriónico não foi em vão. Pode estar achado o cognome com que os portugueses descreviam os soberanos: Celinho, o Brincalhão…

Partilhar

Latest comment

  • João Lourenço não parece ser homem que goste de receber lições de europeus, muito menos situados no cu da UE, e muito menos ainda dum divertido comentador de TV, fala barato, que embora “grande prof”, na área política não fez escola!
    Os angolanos são mais expressivos no gesto e no semblante do que nas palavras!
    A mensagem está codificada nos “pequenos” detalhes!
    – Alguém reparou na “torre” que acompanhava MRS ?
    – De pouco adianta ele se preocupar com uma imagem politicamente correcta “quase feminista”, na escolha da sua ajudante de campo, se chega a Angola e lhe plantam uma torre na traseira, que em vez de lhe dar uma “sensação de segurança” (1) , deve dar-lhe a sensação de “ser vigiado”!
    – Comparem com o que acompanhava o Costa! Parecia feito à medida dele, mesma estatura, mesmo perfil curvilíneo, diria até o mesmo colorido …
    (1) – ele sente-se mais seguro no meio do povo do que cercado de militares.

Post a Reply to Velho do Restelo Cancel Reply