Braçadeira de Ronaldo à venda por um milhão de euros

image_pdfimage_print

“Vende-se a braçadeira de capitão de Cristiano Ronaldo, cruelmente rejeitada após um golo anulado contra a Sérvia. O preço inicial é de um milhão de euros, ou dois apartamentos em Belgrado à beira do Danúbio.”

Foi este o anúncio colocado no sítio de leilões sérvio Kupujem Prodajem por um colecionador sortudo ou um internauta espirituoso (ver Direktno, de 28-3-2021).

Cristiano Ronaldo atirou para o chão a braçadeira de capitão da seleção nacional de futebol após não ser validado pelo árbitro o seu golo aos 94 minutos de jogo, o qual daria a vitória à equipa nacional sobre a Sérvia, ontem à noite, em Belgrado. A bola entrou cerca de meio metro dentro da baliza. Note-se que nas eliminatórias para o Campeonato do Mundo não existe vídeo-árbitro ou VAR (video assistant referee) que possa chamar a atenção do juiz da partida para erros de análise.

Partilhar

Sem comentários

deixe um comentário