Biden chama “boy” ao assessor negro Cedric Richmond

O incidente ocorreu durante uma conferência de imprensa, a 30-8-2021, relacionada com a resposta do governo federal aos danos causados pelo furacão Ida.

Chamar “boy” a um adulto nos EUA ou em países anglófonos pode ser uma forma pouco educada e reveladora de desprezo pelo visado. Ainda mais se esse adulto for negro e ocupar um cargo de prestígio, como é o caso de Cedric Richmond.

Não existindo uma relação de intimidade que o justifique, referir-se a Cedric como sendo “o meu assessor sénior e boy que conhece Louisiana muito muito bem”, trata-se de uma gafe bastante constrangedora para Biden, que tem sido alvo de duras críticas da esquerda à direita relativamente à gestão da saída do Afeganistão.

Já não é a primeira vez que Biden utiliza a palavra “boy” invocando o mesmo significado pejorativo.


* Imagem via Wikimedia Commons

Partilhar

Sem comentários

deixe um comentário