Apesar da oposição comum contra o modelo liberal e marxista, os pensadores distributistas não se associam aos meios que resultaram na excessiva concentração de poder no Estado, esvaziando por vezes o poder individual e familiar que defendem ser fundamental. No Distributismo, a propriedade privada, a

Quarenta e oito anos depois da guerra do ultramar, o primeiro-ministro pediu desculpa pelo massacre de Wiriyamu. O problema não está em ser contra tais massacres ou em defender uma posição de afronta a tais atos, mas sim na dualidade de critérios que nos pretende